O ano está encerrando e você quer organizar melhor seu negócio de revenda de roupas fitness ou ingressar nesse mercado, mas não sabe por onde começar.

Separamos algumas dicas essenciais para te ajudar a dar aquela arrumada na casa e colocar seu negócio no trilho para crescer e prosperar.

Neste artigo você vai aprender a:

  • Separar seu Capital inicial
  • Definir uma meta
  • Definir seu público ideal e seu produto
  • Escolher bem seus fornecedores
  • Traçar suas estratégias iniciais
  • Escolher formas de pagamento
  • Oferecer algo a mais


Separe seu capital inicial

Há quem diga que começou a trabalhar ‘do zero’ com determinado produto. Mas, cá pra nós sabemos que dificilmente algum trabalho se inicia do zero. Por mais simples que seja precisa de recursos para se montar uma base inicial.

No negócio de revenda de roupas fitness também não é diferente, mas a diferença desse negócio é que com qualquer valor você consegue comprar suas primeiras peças para revender. Se você vai começar a trabalhar de casa, 10 peças em atacado de algum fabricante já é uma quantidade boa para iniciar.

Vamos supor que as peças no atacado tenham o custo de 19,50 cada uma, significa que com R$195,00 + o valor do frete, que geralmente sai por menos de R$40, você já terá seu kit inicial de trabalho por apenas R$235,00 aproximadamente.

Caso você tenha um valor a mais para investir e quiser comprar mais peças ou acessórios não tem problema! O interessante aqui é você estar ciente que precisa ter um valor para começar, que é totalmente flexível e só depende de você definir quanto quer ou pode gastar. Sem falar que esse kit inicial é o que vai gerar o seu primeiro faturamento, para continuar investindo e lucrando.

Se você estiver pensando em montar uma loja física ou virtual aí vai precisar desembolsar mais. A depender do tamanho e estilo da loja, pode requerer mais investimentos. É preciso pesquisar, fazer orçamentos, comparar preços, ver impostos e tudo que for necessário para a montagem da loja.

Para loja física, além das roupas propriamente ditas, você precisará de cabides, araras, fachada, balcões, nichos, provadores, entre outros…

Pense o quanto você quer iniciar seu próprio negócio e comece a separar o capital inicial.

Defina uma Meta

Após ter definido o capital inicial e determinada a forma como você vai revender as roupas, seja de porta em porta, vendendo pela internet ou montando uma loja física, é hora de definir uma meta de vendas. Determine quanto você quer ganhar!!!

Caso esteja pensando em revender de casa ou de porta em porta, os seus custos serão mais baixos do que se for montar a loja logo de cara, pois o seu rendimento pode ser mais elevado. Se você espera ganhar R$2.500 por mês por exemplo, vai ter que trabalhar para vender R$5.000 e garantir que os seus custos não ultrapassem dos R$2.500 no mês.

No caso de montar a loja,você poderá ter um lucro entre 15% a 25% daquilo que vender. Ou até mais, dependendo da sua Autoridade online para o seu público.

O exercício aqui é pensar quanto você quer ganhar e como isso vai te ajudar a alcançar suas metas pessoais e financeiras.

Definindo seu Público Ideal e o seu Produto

Você já definiu aqui que o tipo de produto que vai revender é moda fitness? Então a partir daí fica fácil definir o seu público. Quem usa moda fitness? Você pode estar pensando pessoas que malham. Lógico! Mas, quero te levar a pensar além. Seu público está na academia? Sim! Mas, também está nos calçadões das praias, nos parques, nas clínicas de gestantes, pode estar na internet!!!

Se for montar uma loja física, vai precisar sair, pesquisar, olhar a concorrência, ver o que estão fazendo e definir como você vai se diferenciar deles… O que a mais você poderá fazer em sua loja.

Escolha bem seus Fornecedores

Há uma diversidade grande de fabricantes e lojas que vendem roupas fitness no atacado em diversas capitais do país e pela internet também.

Aqui no Brasil, sabemos que há lugares bastante conhecidos por suas lojas atacadistas, como São Paulo, Goiânia e outras cidades. São Paulo talvez seja um dos maiores locais de vendas de roupas e é bem conhecido por seu preço baixo. Mas, com a internet, a facilidade de acesso aos fornecedores ficou bem grande e se você está iniciando no negócio, já vai ter essa economia de valores, se tivesse que viajar e custear passagens, estadia, alimentação, entre outros.

Para compra pela internet você precisará pesquisar se o fornecedor é confiável, verificar os comentários, referências, indicações e tudo que te der conforto e tranquilidade para fazer negócio com ele.

Pesquise a qualidade e os preços dos produtos que vai comprar com o seu fornecedor. Você precisa ter certeza que encontrou a melhor parceria que vai te ajudar a escalar o seu negócio.

Os valores e a qualidade dos produtos encontrados vão te permitir aplicar uma, duas ou três vezes além do valor que foi pago para comprar as roupas? É importante que sua margem de lucro te possibilite alcançar as metas de quanto se quer ganhar definidas anteriormente.

Dicas extra: Analise todos os detalhes e com cuidado as fotos das roupas, os preços, faça contato com o fornecedor e caso tenha segurança, faça sua compra.

Traçar suas estratégias iniciais

Não basta definir o fornecedor, comprar as roupas e ficar em casa aguardando que o cliente descubra por acaso que você vende roupas fitness. Não, não espere por isso… Pode ser que até aconteça, mas é suficiente para você conquistar sua meta mensal de vendas?

Hoje em dia com a potencialidade da tecnologia e com as ferramentas e redes sociais disponíveis, a facilidade de você tornar o seu produto conhecido é muito grande.

Pense como você vai atrair o seu público ideal.Escolha uma ferramenta e trabalhe bem nela e depois vá criando outras, até que consiga atender bem por todas as escolhidas.

Você pode criar uma Página no facebook e compartilhar com seus amigos, conhecidos e familiares. Ir trabalhando conteúdo, bem como disponibilizar fotos das roupas que está revendendo, criar álbuns, grupos… Há também o whatsapp muito usado por quem revende produtos. Com ele é possível uma comunicação rápida entre vendedor e cliente. Lembra que já falamos aqui no blog sobre o Instagram? Pois é, ele é uma excelente ferramenta para trabalhar moda fitness.

O segredo das redes sociais é conhecer cada uma delas, entender como funcionam, como as pessoas se comportam e ir trabalhando o seu produto, fazendo testes, conquistar o seu público ideal e gerando vendas.

Outra dica bacana é montar encontros presenciais, eventos de lançamentos, participar como convidada de outros eventos e expor suas roupas, criar um blog e escrever conteúdos relevantes para seu público. Enfim, há muitas oportunidades a serem trabalhadas para esse nicho. O importante mesmo é você conseguir criar um vínculo duradouro e de qualidade com sua clientela.

Defina a forma de pagamento

Ter uma diversidade de opções para pagamento das roupas vai facilitar e muito o seu trabalho. Com esse avanço tecnológico, você já consegue ter acesso à maquininhas para vender por cartões de crédito ou aplicativos de smartphones, sem a necessidade de ter que fazer contratos com bancos. Um exemplo é o PagSeguro, onde você pode criar links par pagamento com cartão e boleto, ou adquirir a maquininha de passar cartão.

Outra opção é vender à vista. São essas duas opções que indico e que vão te ajudar a evitar inadimplência.

Há quem venda por promissória, mas fica a seu critério escolher as opções de pagamento que vai querer trabalhar com cada cliente.

Ofereça algo a mais

Ao invés de apenas vender roupas, você pode oferecer o seu diferencial, ou seja uma solução para este produto. Se você está revendendo moda fitness por exemplo, pode oferecer uma consultoria para seus clientes de como podem se vestir melhor para fazer seus exercícios, seja na academia, em casa ou ao ar livre.

Além de ajudar os seus clientes utilizarem os produtos que você revende, também é um diferencial a embalagem, brindes, cartões, cupons de desconto, tudo que normalmente só encontramos em lojas e não encontramos comprando diretamente com um revendedor de roupas fitness. Encontre o seu diferencial e ofereça algo a mais, para se destacar de outros vendedores e cativar o seu público.

Essas são as dicas que separamos para te ajudar a definir e iniciar em seu negócio de revenda de roupas de fitness.

Neste texto você aprendeu:

  1. Separar seu Capital inicial
  2. Ter uma meta mensal
  3. Definir seu público ideal e seu produto
  4. Escolher bem seus fornecedores
  5. Traçar suas estratégias iniciais
  6. Definir a forma de pagamento
  7. Oferecer algo a mais

Aqui na Loja Marombada nós temos um plano de vendas especial para as pessoas que desejam vender moda fitness, e comprar em atacado, saiba aqui como você pode iniciar já o seu negócio de revenda de roupas, ou nos escreva pelo formulário logo abaixo.

Se esse conteúdo foi útil, comente ou compartilhe.
Até a próxima e boas vendas!